Sunday, August 07, 2005

Conhecimento é Poder

Acredito que conhecimento é poder e, além do mais, concordo com Ben Parker: "com grande poder vem grande responsabilidade". A consequência disso tudo é que precisamos de grande responsabilidade para administrar grande conhecimento. Ahn? Como assim?

Bem, vamos por partes... Como o conhecimento (ou a sabedoria) é poder? Essa é a parte mais fácil de entender e podemos ver na prática a aplicação desse meu "teorema" na atual conjuntura política do Brasil. Roberto Jefferson, pelo conhecimento que detinha da corrupção dentro do governo, foi capaz de instalar uma grande crise que pode até culminar com a saída do presidente Lula. Isso mostra o poder que Jefferson teve apenas pelo conhecimento que detinha.

Mas onde entra responsabilidade? Temos que saber usar adequadamente nosso conhecimento. Revelar os podres da política na hora errada poderia ter sido catastrófico para o Brasil. Poderia afetar seriamente nossa economia, por exemplo. (Isso não aconteceu, mas não quero dizer que Jefferson agiu no momento certo).

Talvez também possamos encaixar uma outra situação nesse teorema: vícios. Ter certas experiências faz-nos conhecer o "prazer" contido nelas e isso pode gerar um vício por essas experiências. É assim com álcool, drogas, jogo, etc. Alcoolismo começa com o primeiro gole. Experimentar a bebida pode ser agradável, mas você passa a ter a responsabilidade extra de manter o controle. Talvez um alcóolatra "inveterado" diga: quem dera nunca tivesse conhecido a bebida!

Para finalizar diria ainda que administrar o conhecimento que temos e o que queremos ter são tarefas de grande responsabilidade!

Saturday, July 30, 2005

Proposta do Fisofolia

A Filosofia é a busca pelo conhecimento em todas as diversas áreas da vida. Essa matéria, no entanto, se tornou muito formal nos dias atuais.
Saber Filosofia se tornou conhecer os sistemas dos grandes pensadores. Fazê-la se tornou escrever pomposamente com muitas palavras, geralmente encadeando muitas idéias indefinidamente...

A nossa proposta é apenas observar o mundo e tentar extrair conhecimento dele. A medida do conhecimento aqui será, não o constante aumento de conceitos/idéias sobre o mundo, mas a progressiva redução deles, sintetizando-os e tentando fazer caber nas coisas pequenas todas a grandes.